Pesquisar

Carregando...

Costa-Gravas critíca o Presidente da Comissão Europeia

22 de junho de 2013 0 Comente Aqui!
Guerra de palavras entre o cineasta Costa-Gravas e o Presidente da Comissão Europeia, João Manuel Durão Barroso. Lembramos que o diretor grego naturalizado francês tinha mostrado a sua raiva e frustração após uma reunião com Durão Barroso sobre a temática do regime da "exceção cultural" num acordo de comércio livre entre a Europa e os Estados Unidos, a ser negociado no próximo verão. Já no início da semana e uma entrevista ao "International Herald", Durão Barroso classificava a posição da França – sem nunca se referir diretamente a ela – como reacionária. "Alguns dizem que são de esquerda, mas na realidade são culturalmente extremamente reacionários", afirmou.

Após algumas críticas a estas palavras do próprio Presidente francês, François Hollande, e do diretor português Miguel Gomes, que ao jornal "Público" referiu que Durão Barroso "passou-se!", foi a vez de Costa-Gravas reagir através do "Le Figaro", considerando as afirmações de Barroso escandalosas. "É surpreendente e até escandalosas as apreciações insultuosas de Durão Barroso (...) Ele esquece-se que não estamos falando apenas de cineastas de "esquerda" mas de milhares de cineastas europeus que batalharão pelo regime de "exceção cultural" (...) Mas sim, os cineastas são reacionários, o Parlamento europeu que votou em maioria é reacionário, o parlamento francês que votou unanimemente é reacionário, os Länder são reacionários e somente o Sr. Barroso é um democrata defensor da cultura". O cineasta mostrou-se igualmente inquieto com a politica cultural defendida por Barroso, garantindo que os "cineastas franceses, europeus e muitos colegas americanos que apoiam o regime de exceção cultural estarão vigilantes e preparados para a batalha ao longo de todas as negociações".

0 Comente Aqui! :

 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...